terça-feira, 21 de outubro de 2008

E se...



... por algum dia, pudesse eu ser quem não sou, onde teria ficado quem sou? Se eu me olhasse no espelho e me visse do avesso, não seria isso o que sou, não sendo? Conseguiria, por fim, me enxergar? Pois não é o escuro que revela o claro? Não é o belo que destaca o feio? Quem eu seria se, por apenas alguns instantes, eu não fosse eu? Uma cantora de ópera revelaria meu desafinado coração. Um pintor, a minha incapacidade de revelar imagens. Um homem, uma mulher. Quem eu seria se a noite me revelasse o que não sou? Se eu não fosse eu estaria finalmente sendo eu mesma?

3 comentários:

Anônimo disse...

ANA que delicia te ler novamente depois desta ausência enorme. O espelho, que nos reflete e nos faz refletir, as vezes côncavo outras convexo, mas nem sempre tem nexo o que refletimos no reflexo do espelho...

bjs saudadesssssssssss
ed

runescape money disse...

where you come from!

technology disse...

I will pass on your article introduced to my other friends, because really good!
wholesale jewelry